fbpx
loader image

Quem teve seu voto precisa ouvir sua voz.

Contamos com você para reverter a crise climática.
A crise climática é um problema de todo mundo. Literalmente. E a atuação do Brasil é fundamental para a gente começar a virar esse jogo.

Por isso, precisamos incluir a segurança climática na Constituição Federal, como um direito fundamental de todos e todas. Assim, vamos poder cobrar com mais efetividade que governos e empresas cumpram seu papel. E, mais do que isso, vamos garantir a preservação dos nossos biomas, o abastecimento de água, a produção de energia limpa, uma alimentação saudável, a produção de alimentos no campo, o bom funcionamento das cidades e, principalmente, a existência das gerações de hoje e de amanhã.

Para alcançar esse objetivo, precisamos de você. Assine agora o abaixo-assinado pela criação da Lei mais urgente do mundo e pressione deputados e deputadas para apoiá-la no Congresso.

A cada assinatura, aumenta a pressão sobre deputados e deputadas. Nossa voz precisa ser ouvida.

Assine agora para pressionar a Câmara dos Deputados.

A cada assinatura, aumenta a pressão em cima dos deputados e das deputadas. Nossa voz precisa ser escutada.

Clima na Constituição

A todos os(as) deputados(as) e lideranças

Escrevo para pedir que Vossa Exa. assine o apoiamento à proposta de emenda Constitucional que institui a segurança climática como direito fundamental, princípio da ordem econômica e financeira nacional e dever do poder público adotar ações de mitigação às mudanças climáticas e adaptação aos seus efeitos adversos.

É conhecido o fato de que o aquecimento global está acelerando, e que é necessário agir imediatamente, de maneira vigorosa, a fim de evitar prejuízos sociais, econômicos e ambientais em proporções inéditas e, em grande medida, imprevisíveis.

A PEC Segurança Climática (CD21884632000) reflete o anseio do povo brasileiro que quer o desenvolvimento econômico em consonância com o meio ambiente ecologicamente equilibrado e que espera das autoridades públicas respostas mais efetivas.

O Brasil se comprometeu internacionalmente com essa agenda em 1992, quando assinou a convenção de Clima e com o Acordo de Paris, em 2015, para evitar um aumento de temperatura média da Terra superior a 1,5o/2o C até o final deste século.

A fim de honrar com os acordos internacionais e demonstrar seu compromisso com a segurança climática, conto com seu apoio para que a PEC que propõe a segurança climática nos artigos 5o, 170 e 225 da Constituição Federal de 1988 tenha condições de tramitar nesta casa.

%%sua assinatura%%

9,652 assinaturas = 80% do objetivo
0
12,000

Faltam

Dia(s)

:

Hora(s)

:

Minuto(s)

:

Segundo(s)

para a COP 26.

Nossa meta é conseguir o apoio de 171 deputados e deputadas para que a Lei mais urgente do mundo esteja pronta para ser debatida na Câmara dos Deputados antes do início da conferência climática mais importante do planeta: a COP 26. Assim, o Brasil poderá ser protagonista dessa mudança no mundo.

Placar da Câmara

Para que a criação da Lei mais urgente do mundo seja levada ao Congresso, precisamos do apoio de 171 parlamentares.

deputados(as) já assinaram.

Faltam 29 deputados(as) para atingirmos a nossa meta.

%

Seu título vai aqui

VEJA QUEM ASSINOU
Coautoria Subscritor
Rodrigo Agostinho (PSB-SP) Luiza Erundina (PSOL-SP) Eduardo Cury (PSDB-SP)
Daniel Coelho (CIDADANIA-PE) David Miranda (PSOL-RJ) Leonardo Monteiro (PT-MG)
Rodrigo Agostinho (PSB-SP) Talíria Petrone (PSOL-RJ) Frei Anastacio Ribeiro (PT-PB)
Daniel Coelho (CIDADANIA-PE Vivi Reis (PSOL-PA) Rogério Correia (PT-MG)
Arnaldo Jardim (CIDADANIA-SP) Glauber Braga (PSOL-RJ) Fábio Trad (PSD-MS)
Célio Studart (PV-CE) Professor Israel Batista (PV-DF) Jandira Feghali (PCdoB-RJ)
Zé Vitor (PL-MG) Rafael Motta (PSB-RN) Alexandre Padilha (PT-SP)
Marcelo Ramos (PL-AM) Fernanda Melchionna (PSOL-RS) Eduardo Costa (PTB-PA)
Tabata Amaral (PDT-SP) Herculano Passos (MDB-SP) Vitor Lippi (PSDB-SP)
Nilto Tatto (PT-SP) Mauro Nazif (PSB-RO) Erika Kokai (PT-DF)
Joenia Wapichana (REDE-RR) Merlong Solano (PT-PI) Jorge Solla (PT-BA)
Camilo Capiberibe (PSB-AP) Ted Conti (PSB-ES) Marcelo Freixo (PSOL-RJ)
Enrico Misasi (PV-SP) Lídice da Mata (PSB-BA) Alice Portugal (PCdoB-BA)
Alessandro Molon (PSB-RJ) Elias Vaz (PSB-GO) Daniel Almeida (PCdoB-BA)
Túlio Gadêlha (PDT-PE) Gustavo Fruet (PDT-PR) Professora Marcivania (PCdoB-AP)
Raul Henry (MDB-PE) Vander Loubet (PT-MS) Orlando Silva (PCdoB-SP)
Tadeu Alencar (PSB-PE) Vilson da Fetaemg (PSB-MG) André de Paula (PSD-PE)
Ivan Valente (PSOL-SP) Pedro Augusto Palareti (PSD-RJ)
Rodrigo Coelho (PSB-SC) Eduardo Barbosa (PSDB-MG)
Angela Amin (PP-SC) Tereza Nelma (PSDB-AL)
José Airton Félix Cirilo (PT-CE) Carla Dickson (PROS-RN)
Henrique Fontana (PT-RS) Dr. Zacharias Calil (DEM-GO)
Bohn Gass (PT-RS) José Guimarães (PT-CE)
Renildo Calheiros (PCdoB-PE) Milton Coelho (PSB-PE)
Wolney Queiroz (PDT-PE) Rubens Pereira Júnior (PCdoB-MA)
Professora Rosa Neide (PT-MT) Alencar Santana Braga (PT-SP)
Jefferson Campos (PSB-SP) Geninho Zuliani (DEM-SP)
Joseildo Ramos (PT-BA) Mário Heringer (PDT-MG)
Perpétua Almeida (PCdoB-AC) Chico D’Angelo (PDT-RJ)
Áurea Carolina (PSOL-MG) Celso Maldaner (MDB-SC)
Leandre (PV-PR) Denis Bezerra (PSB-CE)
Pedro Uczai (PT-SC) Ubiraja do Pindaré (PSB-MA)
Gonzaga Patriota (PSB-PE) Ricardo Izar (PP-SP)
Luciano Ducci (PSB-PR) Danilo Cabral (PSB-PE)
Léo de Brito (PT-AC) Waldenor Pereira (PT-BA)
Benedita da Silva (PT-RJ) Afonso Florence (PT-BA)
Célio Moura (PT-TO) Beto Faro (PT-PA)
Enio Verri (PT-PR) Domingos Sávio (PSDB-MG)
João Daniel (PT-SE) Helder Salomão (PT-ES)
Marcon (PT-RS) José Ricardo (PT-AM)
Patrus Ananias (PT-MG) Natália Bonavides (PT-RN)
Rubens Otoni (PT-GO) Paulo Teixeira (PT-SP)
Aelton Freitas (PL-MG) Miguel Lombardi (PL-SP)
Valmir Assunção (PT-BA) Wellington Roberto (PL-PB)
Sergio Toledo (PL-AL) Giovani Cherini (PL-RS)
Gleisi Hoffmann (PT-PR) Christiane de Souza Yared (PL-PR)
Paulão (PT-AL) Marília Arraes (PT-PE)
Alex Manente (CIDADANIA-SP) Rubens Bueno (CIDADANIA-PR)
Cássio Andrade (PSB-PA) Isnaldo Bulhões Jr. (MDB-AL)
Heitor Schuch (PSB-RS) Gutemberg Reis (MDB-RJ)
Walter Alves (MDB-RN) Moses Rodrigues (MDB-CE)
Mauro Lopes (MDB-MG) Gervásio Maia (PSB-PB)
Rosana Valle (PSB-SP) Professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO)
Kim Kataguiri (DEM-SP) Jose Mario Schreiner (DEM-GO)
Júlio Delgado (PSB-MG) Maria do Rosário (PT-RS)
Paulo Pimenta (PT-RS) Airton Faleiro (PT-PA)
Rejane Dias (PT-PI) Luizianne Lins (PT-CE)
Zé Carlos (PT-MA) Vicentinho (PT-SP)
Carlos Veras (PT-PE) Carlos Bezerra (MDB-MT)
Carlos Zarattini (PT-SP) Leonardo Monteiro (PT-MG)
Luiz Carlos Motta (PL-SP) Raimundo Costa (PL-BA)
Valdevan Noventa (PL-SE) Bosco Costa (PL-SE)
Reginaldo Lopes (PT-MG) Flávio Nogueira (PDT-PI)

Compartilhe

FacebookTwitterWhatsAppMessengerLinkedInEmail

Você também pode baixar nosso mídia kit e compartilhar as artes da campanha em suas redes.

Newsletter

Cadastre-se para receber alertas e novidades.

11 + 1 =

Compartilhe

FacebookTwitterWhatsAppMessengerLinkedInEmail

Você também pode baixar nosso mídia kit e compartilhar as artes da campanha em suas redes.

Crise climática

O crescimento médio da temperatura, comprovado no mais recente relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima (IPCC), lançado em agosto de 2021, tem relação direta com o aumento de eventos climáticos extremos em escala global. Secas prolongadas, intensas ondas de calor e frio, aumento dos níveis dos oceanos e enchentes se tornaram cada vez mais constantes e intensos. Para piorar, a destruição de ecossistemas e o colapso da biodiversidade afetam drasticamente a produção de alimentos e a qualidade das águas em todo o planeta.

Segundo o mesmo relatório do IPCC, se o aquecimento global não for controlado agora e a temperatura continuar a subir, as consequências poderão ser graves e irreversíveis. O Brasil já assumiu importantes compromissos internacionais para a redução de suas emissões de gases de efeito estufa, como o Acordo de Paris, assim como muitos países. Agora é a hora de transformar compromissos em políticas públicas e ações concretas.

Saiba mais sobre os compromissos assumidos pelo Brasil:

Convenção-Quadro
1998

Acordo de Paris
2017
NDC
2020
Análise
sobre a NDC

Na mídia

Estadão | 04 de junho de 2021

Dia Mundial do Meio Ambiente:
Pintando um Clima na Constituição
Federal Brasileira

Congresso em Foco | 05 de junho de 2021
Pintando um Clima na Constituição
Federal Brasileira
Quem somos
O Pela Cidadania é uma plataforma criada por um conjunto de organizações sem fins lucrativos.

Nosso objetivo é informar e mobilizar a sociedade sobre temas, debates e decisões do governo e de nossos políticos. Assim, estimulamos a participação popular e fortalecemos a democracia.

ACT
Akatu
alana
ANAMMA
Fundación Avina
Clímax Brasil
Famílias pelo Clima
Frente Parlamentar Ambientalista
Frente Parlamentar Ambientalista dos Vereadores do Brasil
Frente Direitos Indígenas
Frente ODS
Fundação Grupo Esquel
Hivos
ICLEI
idec
IFMSA
IDS
Instituto Escolhas
Instituto Ethos
ICS
ISPN
RAC
Observatório do Clima
350.org